EDR - Escritório de Desenvolvimento Regional

EDR - Escritório de Desenvolvimento Regional

UCPel compõe evento para motivar e orientar a criação de startups

A Universidade Católica de Pelotas (UCPel) foi uma das parceiras do Sebrae na promoção do evento “StartUp Lab Sebrae – Conexão, Inovação e Empreendedorismo”, que ocorreu no último final de semana, no Pelotas Parque Tecnológico. O programa propôs uma imersão para a geração de novas ideias de negócios digitais, com desafios e exercícios práticos divididos em três etapas. A primeira delas foi a palestra de abertura com a formação dos times; a segunda foi a capacitação para o desenvolvimento de negócios, e a terceira, a banca final, quando foram apresentados os projetos desenvolvidos. Entre os mentores representantes da UCPel no evento estiveram os professores Cristiano Klinger e Rosana Brod, e o diretor-executivo da Desígnio, ex-incubada do Centro de Incubação de Empresas da Região Sul (Ciemsul), Max Bescow.

Segundo Klinger, o evento possibilitou a percepção de que Pelotas e região têm um grande potencial na buscar alternativas para se desenvolver e os grupos formados durante o evento demonstraram esse potencial. O professor comenta que ter sido um dos mentores no evento permitiu, além da troca de ideias, contato com empreendedores de diferentes idades. Para ele, surgiram projetos que podem ganhar o mercado. “É importante estarmos presentes nesses eventos, pois deles surgem muitas ideias a serem trabalhadas e desenvolvidas. Foi um final de semana intenso e gratificante, por ver a evolução das ideias, através da utilização de técnicas e ferramentas de gestão”, coloca.

Rosana Brod afirma que o envolvimento de professores na prática docente e profissional com eventos, como o StartUp Lab Sebrae, engrandece o processo e a construção do ensino e da aprendizagem. De acordo com ela, a capacitação envolve o saber de quem quer empreender e o potencial de desenvolvimento da região, estimulando o crescimento, a inovação, a tecnologia e o empreendedorismo. “O evento tem grande importância, pois por meio dele existe uma troca entre instituições, em que o maior beneficiário é a comunidade”, completa.

Para Bescow, o evento foi intenso e desafiou, além da capacidade criativa, o fôlego dos participantes. O empreendedor comenta que foram três dias com aprendizados e desafios no Pelotas Parque Tecnológico, espaço que está tomando corpo e ganhando importância para o cenário de tecnologia, empreendedorismo e inovação na região.

Ter sido mentor, segundo ele, possibilitou a percepção de que quando as pessoas são desafiadas, elas excedem suas próprias limitações e expectativas, alcançando resultados significativos em pouco tempo. O diretor-executivo da Desígnio afirma ainda que as ideias e a energia do evento atingiram positivamente todos os envolvidos. “Foi uma experiência extremamente recompensadora e motivacional para aqueles que tem o ímpeto empreendedor. Tive o privilégio de participar e contribuir para este movimento tão necessário para nossa região. E que venha o próximo”, disse.

Além da UCPel, foram parceiras no evento a Universidade Federal de Pelotas (UFPel), Universidade Federal do Rio Grande (FURG), Pelotas Parque Tecnológico, Designio Projetos Criativos e Semente Negócios.